Ministério amplia Saúde Toda Hora em três estados

Publicado em: 26/09/2011 Categoria » Saúde

Municípios da Bahia, Santa Catarina e São Paulo recebem ambulâncias e aumento de valores de custeio

 

Com o objetivo de fortalecer as ações de Urgência e Emergência no país, o Ministério da Saúde publicou cinco portarias que ampliam o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência 192 (SAMU) nos estados da Bahia, Santa Catarina e São Paulo. O SAMU integra a rede Saúde Toda Hora que está reorganizando a rede de atenção às urgências do Sistema Único de Saúde.

 

Na Bahia, os municípios de Ibipitanga e Oliveira de Brejinhos receberão cada um, uma ambulância de suporte básico. O custeio mensal dessas unidades é de R$ 12,5 mil. Já o SAMU regional da cidade de Juazeiro terá o custeio da Central de Regulação reajustado para R$ 49 mil mensal. Esse valor foi reajustado, pois o custeio das centrais agora é definido de acordo com a cobertura populacional do SAMU regional. O SAMU de Juazeiro cobre ainda os municípios de Campo Alegre de Lourdes, Casa Nova, Curaçá, Pilão Arcado, Remanso, Sento Sé, Sobradinho e Uauá.

 

Os municípios paulistas Iacanga e Duartina foram contemplados, cada um, com uma ambulância de suporte básico. Já o SAMU de Bauru terá uma Unidade de Suporte Avançado, conhecida como UTI móvel, cujo custeio anual é de R$ 330 mil. Além disso, o município de Bauru também terá o valor reajustado do custeio da Central de Regulação do SAMU regional para R$ 49 mil mensal. Esse SAMU abrange mais 16 municípios. A cidade de Alfredo Wagner, em Santa Catarina, receberá uma Unidade de Suporte Básico, cujo valor de custeio anual é de R$ 150 mil.

 

O objetivo da rede Saúde Toda Hora é que a comunicação entre as centrais de regulação com os SAMUs, as UPAs 24h e os hospitais torne o atendimento ainda mais rápido e eficaz, reduzindo mortes ou sequelas ao paciente. Esse formato de funcionamento integrado entre várias unidades de promoção, prevenção e atendimento à saúde é uma das principais características da ação.

 

Confira as portarias:

BA – nº 2.258 e 2.259 e nº 2.265

SP – nº 2.264

SC – nº 2.260

Comentários:

Seja o primeiro a comentar.

Faça um comentário sobre esta postagem: